damanbet.in

ZF-superbanner-01.08 a 01.11

Sedã que foi lançado mundialmente, em 1976, ganha tecnologia híbrida e começa a ser comercializado no Brasil

O Honda Accord Advanced Hybrid chega ao mercado brasileiro com a tecnologia híbrida, que combina dois motores elétricos, um para tração e outro para geração de energia, e um motor térmico de 2,0 litros, de quatro cilindros, e de ciclo Atkinson.Os motores elétricos estão dispostos em paralelo, e não mais em série, o que implica em um novo e-CVT, dotado de maior capacidade de absorção de vibrações e ruídos.

Esse powertrain evoluído do novo Accord preservou a potência máxima do motor elétrico de tração, 184 cv, mas o torque aumentou, passando para 34,1 kgfm (antes, 32,1 kgfm). Tal progresso se estendeu ao novo motor a combustão quatro cilindros 2.0 16V, de ciclo Atkinson, com duplo comando de válvulas no cabeçote, VTC e, agora, com injeção direta de gasolina, que contribuiu para o aumento significativo em torque, passando para 19,2 kgfm a 4.500 rpm (antes 17,8 kgfm a 3.500 rpm) e ligeiro ganho de potência para 146 cv a 6.100 rpm (antes 145 cv a 6.000 rpm). A Honda não divulgou a potência combinada.

Honda Accord Advanced Hybrid chega ao Brasil com ainda mais tecnologia, segurança e motorização

A possibilidade de alternar a ação do motor térmico e elétrico resulta em maior eficiência, o que faz do sistema híbrido, exclusivo da Honda, uma referência em termos de simplicidade construtiva, desempenho e consumo de combustível. Aliás, o novo Accord conseguiu ser nota “A” em sua categoria, nota “A” em consumo e nota “A” ao nível de emissões do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular, registrando 17,8 km/l de consumo urbano e de 16,1 km/l de consumo rodoviário.

O preço sugerido para o carro é de R$ 324.900. Os principais concorrentes do modelo são: BMW Série 3, Audi A3 e outros híbridos como Jeep Compass 4xe e GWM Haval H6. 

Share This
damanbet.in Mapa do site